Carlos Ferreira

Petista: Um ser estranho ao razoável
19/05/2017 às 17:29:12

Me perdoem, mas não dá para não lembrar. O cantor Lobão, em uma das suas críticas ao comportamento do petista, mandou: debater com petista é o mesmo que jogar xadrez com pombo. Ele cisca, derrubas todas as pedras, caga no tabuleiro e ainda sai de peito estufado cantando vitória”. Em outras palavras, acha que está sempre com a razão, mesmo sabendo que está errado. É um ser diferente de tudo, estranho ao razoável. Claro que, deve-se guardar as devidas exceções. Bem recentemente os “vermelhinhos” diziam nas redes sociais que delação premiada não representava nada, que era apenas uma fórmula usada para soltar criminoso, além de outros adjetivos impublicáveis. Desde ontem que mudaram radicalmente de posicionamento. Agora, para esses mesmos petistas, delação significa instrumento necessário para fazer justiça, fortalecer a democracia e por aí vai. E por que? Ora, a delação dos diretores da JBS pegou o presidente Michel Temer (PMDB) e o senador Aécio Neves. O leitor deve estar se perguntando: E o ex-ministro de Lula e Dilma, Guido Mantega? Bem, as acusações contra ele precisam ser investigadas minunciosamente, afinal ele é petista. É mole? Já contra os políticos de outros partidos, não precisa de investigação, é colocar logo na cadeia. Quando acusam petistas, os delatores estão mentindo. Quando as acusações são contra filiados de outros partidos, estão falando a verdade. Ao contrário do Lobão, um compositor famoso, o escriba vai mesmo no popular. Cara de pau maior não pode existir. Não devem ser levados a sério, como todos os fanáticos.

 

AMEAÇA?

 

Essa história de ameaça de morte ao presidente do Tribunal de Contas do Estado de Sergipe, Clóvis Barbosa, ainda não está bem explicada. Segundo o autor da denúncia, uma pessoa teria dito que “do jeito que vai Clóvis pode sofrer o mesmo que o desembargador Luiz Mendonça, se referindo a uma tentativa de homicídio contra ele. Ora, nos parece muito mais um comentário do que uma ameaça propriamente dita. De qualquer forma, tomar cuidado não faz mal a ninguém, afinal Clóvis tem mexido com gente “grande”.

 

CARTAZ INTELIGENTE

 

Temer fora do governo. Lula dentro da cadeia. Era o que estava escrito em um cartaz que um estudante exibia em uma dessas manifestações de ontem. TELEFONES DESLIGADOS Ontem pela manhã, a maioria dos integrantes da bancada federal de Sergipe estava com os telefones desligados. Uma clara demonstração de que não queriam falar sobre a BOMBA publicada pelo jornal O Globo, a respeito da delação dos diretores da JBS. Só atendeu o deputado federal João Daniel (PT) e sua opinião não poderia ser outra. “ Muito graves as denúncias contra Temer e Aécio. E mandou: “Temer fora do governo, Aécio fora do Senado”. Quanto a Guido Mantega, disse que as denúncias são frágeis e que precisam ser melhor esclarecidas. Tem que aguente uma coisa dessa?

 

OAB

 

Diretoria da OAB/Sergipe emite nota pública pedindo a renúncia do presidente Michel Temer. Segundo a nota, depois da denúncia do jornal O Globo, segundo a qual, Temer teria orientado ao diretor da JBS continuar pagando propina a Eduardo Cunha, não há mais governabilidade.

 

MINISTROS

 

Os ministros Das Cidades, Bruno Araújo e da Cultura, Roberto Freire, confirmaram o desligamento do Governo Temer. Durante esta sexta, 19, outros deverão seguir o mesmo caminho, o que dificultará ainda mais a situação do presidente que jurou inocência e disse que não renunciaria de jeito nenhum.

 

AÉCIO AFASTADO

 

Enquanto isso o senador Aécio Neves apresentou uma desculpa esfarrapada que não convence nem mesmo ao mais desinformado dos cidadãos. Segundo ele, não houve pagamento de propina, mas um empréstimo pessoal. Sinceramente, não tinha uma desculpa melhor não?

 

DE OLHO

 

Comentário de um popular ontem à tarde no Calçadão da João Pessoa: “vão prender o Presidente da República, um ex-presidente, mais um senador, a prenderam vários grandes empresários, mas em Sergipe dois deputados que meteram a mão no dinheiro do povo continuam recebendo seus salários sem trabalhar e o Tribunal de Justiça não se pronuncia”. O povo, pode não parecer, está de olho!

 

RECESSO REDUZIDO

 

O presidente da Câmara de Vereadores de Aracaju, Nitinho Vitali, garantiu que vai colocar em votação o projeto de autoria do vereador Fábio Meireles que reduz o recesso parlamentar. Segundo ele, não houve nenhuma intenção de engavetar o referido projeto. Ah bom!

 

SEM ESTRUTURA

 

Policiais militares que atuam na barreira de trânsito na saída de Aracaju pela Avenida Santa Gleide não receberam qualquer estrutura para desenvolver suas atividades. Para se ter uma ideia, não coloram sequer um banheiro e durante a noite apenas três PMs ficam no posto, que funciona 24 horas. Existem policiais femininas que são obrigadas a pedir para usar banheiros dos moradores da localidade, correndo o risco de serem punidas por abandonar o posto de trabalho. É uma lástima.

 

CONVENCERAM

 

Tanto Almeida Lima quanto Clóvis Barbosa, conseguiram convencer que não houve nepotismo cruzado. O genro do presidente do TCE está na Secretária de Saúde há vários anos. Filha do secretário trabalha na Corte de Contas há quatro anos e o pai nem sonhava exercer o cargo que exerce hoje. E ponto final.

 

FORRÓ CAJU

 

O prefeito Edvaldo Nogueira deixou claro que não realiza o forró caju se tiver que usar apenas dinheiro do município. Ora senhor prefeito, onde está a criatividade que dissestes ter durante a campanha. Uma festa tão tradicional não consegue parcerias? Este evento atrai milhares de pessoas para a Capital, muitos sergipanos se preparam para faturar com a venda de muitos produtos, o comércio vende mais, os hotéis lotam e todos ganham. Deixar de realizar é, no mínimo, assinar o atestado de incompetência. É sim!

 

CALADO

 

Ganha um presente quem conseguir ouvir a voz do deputado Tijói Barreto, na Assembleia Legislativa. Foi assim quando exerceu o mandato de vereador e os primeiros dias na AL mostram que não será diferente agora. Tão jovem e tão calado. Uma pena.

 

Carlos Ferreira

Jornalista e radialista, Carlos Ferreira, está radicado em Sergipe há 39 anos. Atuou nos principais órgãos de comunicação do Estado, há exemplo do Cinform,  TV Sergipe, rádios Liberdade AM, FM, Cultura, Atalaia, Capital do Agreste,  Jornal de Sergipe, e Jornal da Manhã, onde inclusive foi Editor Chefe. Exerceu  a função de Diretor de Jornalismo em várias oportunidades, foi diretor geral da FM Lagamar e assessor de imprensa da Câmara de  Vereadores de Aracaju. Atualmente, está como secretário de Comunicação de Itabaiana e comanda o Jornal da Ilha primeira edição das 06h às 09h.